ARTICLE TOP AD

A falta de decisão em relação ao futuro do Reino Unido na Comunidade Europeia levanta sérias questões por parte dos estrangeiros que, de certa forma, se sentem confusos quanto ao seu estatuto residencial.

Ainda que se mantenha a indecisão em relação ao Brexit, os estrangeiros podem para acessar a plataforma para obter o novo estatuto. Mais de 250 mil europeus fizeram a solicitação desde 30 de Março.
Devido a incertezas no que concerne ao que acontecerá depois de 31 de outubro, é aconselhável garantir o documento de residência antes dessa data.

Esclarecemos, aqui, os dois tipos de autorização de residência: status estabelecido e status pré-estabelecido
> Status estabelecido é aquela cuja permissão de residência será obtida por qualquer pessoa que, no momento da inscrição, possa demonstrar que viveu continuamente por um período mínimo de cinco anos no Reino Unido (sem ter passado mais de de seis meses fora do Reino Unido). Com esta autorização poderá, posteriormente, solicitar a nacionalidade britânica.
> Status pré-estabelecido é o indicado para quem ainda não completou cinco anos de residência contínua. Mesmo os cidadãos europeus que chegarem antes de 31 de dezembro de 2020 terão acesso a esse tipo de residência temporária.
Para quem pretende solicitar residência permanente sem a necessidade de tirar a residência temporária (status pré-estabelecido), o Home Office recomenda que aguarde e solicite o status estabelecido diretamente, assim que completar os cinco anos de vivencia no Reino Unido.

ARTICLE INLINE AD

Para o processo, o cidadão estrangeiro necessita apresentar o seu passaporte, Insurance Number (numero de segurança social do Reino Unido), um endereço de email activo e precisa responder a algumas questões sobre a sua situação pessoal e antecedentes criminais.

Tudo poderá feito através do aplicativo EU EXIT, através da pagina www.gov.uk/settled-status-eu-citizens-families/applying-for-settled-status, ou ainda, através da Afro Portuguese Speaking Community (APSC) que oferece um serviço de orientação e ajuda para estes casos, cobrando uma pequena taxa para tal. https://www.africanpsc.com/home?lang=es.

ARTICLE BOTTOM AD

DEJA UNA RESPUESTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

5 × 3 =